AM 1440 - A cor que você ouve

Americana já vacinou 61.368 pessoas contra a gripe e campanha termina dia 5 de junho

Americana já vacinou 61.368 pessoas contra a gripe desde o dia 23 de março, segundo balanço divulgado nesta quinta-feira (28). A Vigilância Epidemiológica reforça que a campanha termina no dia 5 de junho e que a vacinação de gestantes e crianças de seis meses a menores de seis anos ainda não atingiu a meta preconizada pelo Governo do Estado, que é de ao menos 90% de cada grupo prioritário.

Até o momento, foram vacinadas 737 gestantes, ou 39,39% da população estimada de 1.871 residentes no município; e 5.386 crianças, ou 40,68% da população estimada de 13.240 na faixa etária indicada. A coordenadora da Vigilância Epidemiológica, Simone Maciel, reforçou mais uma vez sobre a importância da vacinação. “Estamos na proximidade do início do inverno, quando existe um aumento do número de vírus respiratórios circulantes, especialmente influenza. Ressaltamos a importância das gestantes e crianças tomarem a vacina nesta semana, quando está previsto o encerramento da campanha”, afirmou.

Em razão da baixa procura da vacina principalmente por gestantes que fazem pré-natal na rede particular, a Vigilância Epidemiológica entrou em contato com os convênios do município. “Solicitamos que reforcem com as gestantes sobre a importância da vacinação, lembrando que a campanha termina na próxima sexta-feira”, informou Simone.

A vacina está disponível, das 8 às 16 horas, em todas as Unidades Básicas de Saúde do município, de segunda a sexta-feira. Já o sistema de drive thru, em que a vacina é aplicada dentro do veículo, está ocorrendo no Núcleo de Especialidades (Rua 1º de Maio, 421, bairro Cordenonsi), para pessoas com dificuldade de locomoção, menos para crianças que devem procurar local com vacinação convencional.

Americana vacinou também 6.886 profissionais da saúde (124,68%); 125 mães no pós-parto – puérperas (40,58%); 31.998 idosos (116,47%), além dos outros grupos prioritários definidos pelo Ministério da Saúde.

Vacina

A vacina oferece proteção contra os vírus da influenza A (H1 N1) e Influenza A (H3 N2) e Influenza B. Segundo o Ministério da Saúde, mesmo que a vacina não apresente eficácia contra o coronavírus, é uma forma de auxiliar os profissionais de saúde a descartarem as influenzas na triagem e acelerarem o diagnóstico para a Covid-19.

você pode gostar também

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.

× Fale Conosco!