AM 1440 - A cor que você ouve

Henrique Meirelles se filia ao MDB e inicia projeto presidencial

O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, deu mais um passo rumo ao seu projeto presidencial. O político deixou o PSD e assinou nesta terça-feira (3) sua filiação ao MDB, partido do qual foi membro até 2009.

Durante a cerimônia de filiação, na sede da legenda, em Brasília, Meirelles informou que deixará o cargo de ministro na próxima sexta-feira (6), e que seu sucessor será definido nos próximos dois dias. A legislação eleitoral prevê que os ministros interessados em concorrer a candidaturas precisam deixar os cargos seis meses antes da eleição. Esse prazo se encerra no próximo sábado (7).

Mesmo deixando o ministério da Fazenda, Meirelles afirma que o MDB ainda não definiu a composição da possível chapa presidencial e, portanto, não confirmou sua candidatura.

“Eu tenho um projeto de candidatura a presidente e, agora, entrando no partido vamos discutir quais são os próximos passos e, evidentemente, qual é a melhor composição partidária visando evitar o Brasil volte a ter políticas populistas, politicas oportunistas, políticas que levaram o país a maior recessão da história”.

Durante o ato, o clima de campanha eleitoral era evidente. Banners com as imagens de Temer e Meirelles decoravam o evento, enquanto um jingle que dizia “M de Michel, M de Meirelles, M de MDB” era executado pelo sistema de som.

A ida de Henrique Meirelles ao MDB dá força a especulação de que o ministro da Fazenda se colocaria como vice em uma possível chapa encabeçada pelo presidente Michel Temer.

 

FONTE: Agência do Rádio

você pode gostar também

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.