AM 1440 - A cor que você ouve

STF pede que Procuradoria Geral esclareça vazamento de delações da Odebrecht

A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal pediu para que a Procuradoria-Geral da República preste esclarecimentos a respeito dos vazamentos de informações do acordo de delação premiada de executivos do grupo Odebrecht. A decisão da Corte foi unanime e atendeu um pedido feito pelos advogados da empreiteira.

A Odebrecht reclama que os acordos de colaboração firmados por seus executivos, que estavam sobre segredo de justiça, tiveram o sigilo violado. Na petição, a empresa pediu “a adoção de medidas cabíveis para elucidação desses fatos, com a identificação dos responsáveis pelos vazamentos de informações sigilosas, a efetiva punição deles e, ainda, a adoção de todas as medidas necessárias”.

Na decisão, os magistrados da Segunda Turma seguiram o voto do relator, ministro Gilmar Mendes, determinando que a PGR se pronuncie sobre o assunto e esclareça como estão as investigações para descobrir a origem dos vazamentos.

Na sessão, o ministro Dias Toffoli disse que, por diversas vezes, a imprensa obtinha informações acerca de colaborações premiadas, antes mesmo, do protocolo ser recebido pelo Supremo.

Agora, cabe a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, responder ao questionamento da Segunda Turma do STF.

 

FONTE: Agência do Rádio

você pode gostar também

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.