AM 1440 - A cor que você ouve

Secretaria de Habitação e Desenvolvimento Urbano faz balanço ao completar um ano de inscrição online

O Governador Geraldo Alckmin entrega de 178 Unidades Habitacionais em Boituva. Data: 07/11/2014. Local: Boituva. Foto: Alexandre Carvalho/A2 Fotografia

A Secretaria Municipal de Habitação e Desenvolvimento Urbano completou em setembro, um ano da implantação do sistema de cadastro habitacional online e permanente. Disponível no site da Prefeitura de Americana (www.americana.sp.gov.br/inscricaohabitacao), a ferramenta permite que a população se inscreva, de forma rápida e simples, nos projetos de habitação de interesse social do município.

Até a implantação do novo sistema, a fila para a garantia da moradia, ultrapassava 10 mil famílias. De acordo com levantamento da Pasta, a entrega de 896 unidades dos empreendimentos Vida Nova I e II, na região da Praia Azul, e o lançamento de mais 556 unidades nos anos 2017 e 2018, do Residencial Jardim dos Lírios e Condomínio Tainá, respectivamente, contribuiu para o atendimento das famílias que estavam inscritas no cadastro habitacional do município e hoje já possuem contrato assinado junto à Caixa, aguardando apenas a conclusão das obras.

A disponibilidade da nova plataforma permitiu o recenseamento com a atualização daqueles que ainda não conquistaram sua moradia, através dos projetos da Secretaria de Habitação ou por meios próprios, além do cadastro de novos inscritos. Atualmente o município tem pouco mais de 5.350 inscritos, sendo 64,85% dos titulares mulheres. A renda média das famílias é de R$ 1.728,00 e a idade, 40 anos.

“Com incentivos, a prefeitura consegue trazer projetos habitacionais para beneficiar a população que mais precisa e realizar o sonho da casa própria. Desta forma, o dinheiro do aluguel passa a ser aplicado em um imóvel próprio e com valor de uma parcela bem pequena”, disse Omar Najar, prefeito de Americana.

Neste momento, existem dois projetos sendo apresentados e acessados pelos inscritos: Condomínio Inaê, na região do Jardim da Balsa, e o Residencial Solar das Flores, que será implantado na região do São Luís. O Residencial Balsa tem, ainda já aprovado, o Condomínio Jacy, com 256 unidades projetadas.

“A ferramenta online possibilitou que a prefeitura tivesse uma comunicação mais próxima com a demanda habitacional. Simplificou o processo e deu autonomia na gestão do cadastro aos interessados. Com esses dados consolidados e atualizados é possível buscar novos projetos que atendam a realidade e a necessidade das famílias”, disse o secretário de Habitação e Desenvolvimento Urbano, Charley Petter Cornachione.

“A administração focou desde o início no atendimento da sua demanda, por isso hoje consegue apresentar resultados positivos e novos projetos de habitação de interesse social que estão atendendo o déficit de moradia de Americana”, completou.

Para se inscrever nos programas habitacionais da Prefeitura de Americana, é necessário ser maior de 18 anos; morar ou trabalhar há pelo menos cinco anos na cidade; e não possuir imóvel no nome. A inscrição no cadastro habitacional pode ser realizada a qualquer momento.

você pode gostar também

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.

× Fale Conosco!