AM 1440 - A cor que você ouve

Vacinação contra a gripe para adultos de 55 a 59 anos e professores começa nesta segunda-feira

A Prefeitura de Americana, por meio da Secretaria de Saúde, inicia nesta segunda-feira (18) a segunda etapa da terceira fase da 22ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza para os seguintes grupos prioritários: adultos de 55 a 59 anos de idade e professores das escolas públicas e privadas.

A vacina está disponível até o dia 5 de junho, das 8 às 16 horas, em todas as Unidades Básicas de Saúde do município, de segunda a sexta-feira. Já o sistema de drive thru, em que a vacina é aplicada dentro do veículo, está ocorrendo no Núcleo de Especialidades (Rua 1º de Maio, 421, bairro Cordenonsi), para pessoas com dificuldade de locomoção. O município possui atualmente 16 mil doses da vacina no estoque.

A meta do Governo do Estado é vacinar ao menos 90% de cada grupo prioritário. Não existe estimativa sobre a população de professores e a de adultos de 55 a 59 anos é de 11.414 pessoas em Americana. Os grupos prioritários pertencentes às outras fases podem receber a vacina até o encerramento da campanha.

De acordo com balanço divulgado nesta quinta-feira (14), desde o dia 23 de março, quando começou a campanha, Americana já vacinou 66.858 pessoas. Dos grupos pertencentes à primeira etapa da terceira fase, foram vacinadas no município até o momento: crianças – 2.711; gestantes – 417; mães no pós-parto (puérperas) – 58; pessoas com deficiência – 2.

A coordenadora da Vigilância Epidemiológica de Americana, Simone Maciel, destacou que a procura de crianças e gestantes está muito abaixo da meta. “Apenas 20% das crianças e 22% das gestantes foram se vacinar contra a gripe. Precisamos que esses grupos procurem a Unidade de Saúde mais próxima e se imunizem o mais rápido possível, lembrando que a campanha termina em 5 de junho”, afirmou.

O balanço traz ainda outros dados de grupos vacinados no município: idosos – 42.528 (154,80:% da meta); trabalhadores da saúde – 8.242 (149,23% da meta); população privada de liberdade – 978; funcionários do sistema prisional – 113; profissionais das forças de segurança e salvamento – 833; caminhoneiros – 471; trabalhadores de transporte coletivo – 406; portuários – 6; doentes crônicos – 7.532.

Vacina

A vacina oferece proteção contra os vírus da influenza A (H1 N1) e Influenza A (H3 N2) e Influenza B. Segundo o Ministério da Saúde, mesmo que a vacina não apresente eficácia contra o coronavírus, é uma forma de auxiliar os profissionais de saúde a descartarem as influenzas na triagem e acelerarem o diagnóstico para a Covid-19.

você pode gostar também

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.

× Fale Conosco!